Follow by Email

terça-feira, 9 de março de 2010

Primeiro encontro de jovens do Movimiento Proyecto Sur







Por que sabemos, com certeza, que ao nos encontrarmos nos daremos conta que somos muito mais do que às vezes imaginamos; E quê, como a nós, em cada província, cidade ou Povoado da Argentina, há companheiros e companheiras batalhando na mesma direção.

Por que Também afirmamos que nos conhecermos e compartilharmos nossas experiências pessoais, de grupo e de território, nos fortalecerá na mística que temos construindo dia a dia com nossa militância, que se alimenta ao saber que Outro mundo é possível.

Esses são os parágrafos iniciais da convocatória do primeiro encontro de jovens do Movimiento Proyecto Sur. O encontro ocorre nos dias 13 e 14 de março, na Universidad de Lujan, província de Buenos Aries.

O encontro será realizado em forma de acampamento e tem o objetivo de ampliar as forças do movimento.  Segundo os organizadores, “estarão presentes todas as forças que integram o Movimiento Proyecto Sur”.

Dentro da programação do encontro haverá uma discussão sobre os cinco pontos Fundamentais do Movimiento Proyecto Sur e o tema dívida externa Argentina. Também estará presente Pino Solanas, principal dirigente do Movimento. Ele irá propor um evento para o dia 13 e 14 de março, chamado de: “Cabildos Abiertos para una verdadera emancipación nacional”, (Assembléia para uma verdadeira emancipação Nacional).

Apesar de o evento ser de jovens não há limite de idade para participar.

O que é o Proyecto Sur e quem é Pino Solanas?

O proyecto Sur é um movimento político, social e cultural que reivindica o respeito pela vida humana acima de todas as coisas. Plocamando como principios básicos a defesa do meio ambiente e da propriedade pública de nossos recursos naturais, como condição para alcançar uma atentica justiça social e garantia da soberanina nacional.

Esse movimento foi a grande expressão das ultimas eleições. Tendo o cineasta Pino solanas conseguido 1,4% dos votos, à frente de todos os outros candidatos de esquerda. 

João Diego de Buenos Aries. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário