Follow by Email

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Porque boicotamos o Enade

O Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE) desse domingo (21) nos leva a uma reflexão. Em seis anos de aplicação, seu objetivo tem sido avaliar o sistema de ensino superior.

 Em teoria, essa avaliação serviria para melhorar a educação, mas não é o que ocorre. Nossas universidades e faculdades privadas estão cada vez mais transformadas em Shoppings. Enquanto as públicas têm cada vez menos verbas.

Essa prova é apenas uma! Das tantas que fazemos durante a vida acadêmica. Que não avalia a má estrutura da faculdade, a falta de livros, professores e laboratórios. Só avalia o estudante que faz a prova.  Como se a culpa desses problemas fosse do estudante.

A boa nota que a universidade ou faculdade recebe serve como ranking. Muitas universidades privadas colocam suas notas em outdoors, orgulhando-se ser melhores.

A criação do Enade faz parte de uma política de ensino superior onde se privilegiam as instituições privadas em detrimento das públicas. O boicote à prova é criticado e/ou não é entendido por muito, mas é uma forma de protestar contra essa política. Queremos uma avaliação que sirva não somente para marketing, mas que mostre a realidade do ensino superior.

Queremos ações que resolvam os nossos problemas de acesso e permanência na universidade. De que adianta saber que determinada instituição tem nota máxima, se a grande maioria da população não tem acesso à universidade.  Queremos verbas públicas somente para a universidade pública. Queremos acesso à educação pública, gratuita e de qualidade para todos.

João Diego. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário